quarta-feira, 21 de março de 2012

EXERCÍCIOS SOBRE MISTURAS E ANÁLISE IMEDIATA


1- Por que em geral a separação de uma mistura heterogênea e mais fácil do que a separação de uma mistura homogênea?



2- Considerando um sistema de óleo, água e sal, escolha os processos que melhor permitem essa separação.





3- Um sistema formado por água, açúcar dissolvido, álcool, limalha de ferro e carvão apresenta, quantas fases?



4- Uma maneira rápida e correta de separar uma mistura com ferro, sal de cozinha e arroz é na seqüência:

a)      Filtrar, aproximar um ímã, adicionar água e destilar.

b)      Aproximar um ímã, adicionar água, filtrar e destilar.

c)      Destilar, adicionar água, aproximar um ímã.

d)     Adicionar água e destilar.

e)      Impossível de separá-la.



5- (UFES) Em um sistema bem misturado, constituído de areia, sal, açúcar, água e gasolina, pergunta-se:

a)   Qual é o numero de fases do sistema?

b)   Quais seriam, na ordem, os métodos de separação desta mistura?


6- Considerando o sistema a baixo, escolha os processos que permitem separar óleo, água e sal de cozinha.

 



7- (Vunesp-SP) Na preparação do café, a água quente entra em contato com o pó e é separada no coador. As operações envolvidas nessa separação são, respectivamente:

a) destilação e decantação.

b) filtração e destilação.

c) destilação e coação.

d) extração e filtração.

e) extração e decantação.



8- (Unicamp-SP) Têm-se as seguintes misturas:

I - Areia e água.

II - Álcool (etanol) e água.

III - Sal de cozinha (NaCl) e água, neste caso uma mistura homogênea.

Cada uma dessas misturas foi submetida a uma fil­tração em funil com papel e, em seguida, o líquido resultante (filtrado) foi aquecido até sua total eva­poração. Pergunta-se:

a)      Qual mistura deixou um resíduo sólido no papel após a filtração? O que era esse resíduo?

b)      Em qual caso apareceu um resíduo sólido após a evaporação do líquido? O que era esse resí­duo?


9- (Unioeste) A maioria das substâncias químicas é encontrada na natureza sob a forma de misturas. As misturas são separadas por análise imediata.

Assim sendo, a(s) proposição(ões) correta(s) é (são):

a.(    )Os sistemas gasosos apresentam-se sempre homogêneos, independentemente do número de constituintes.

b.(    )Um sal solúvel em água pode ser separado por filtração.

c.(    )Uma mistura de dois sólidos de densidades diferentes pode ser separada por destilação.

d.(    )Para separar água de óleo pode ser utilizada a decantação.

e.(    )Para separar uma mistura de cloreto de sódio, areia e iodo pode-se adicionar água, decantar, sifonar, destilar e sublimar, nesta ordem.

f(    )A separação dos gases das bebidas ocorre por sublimação.

g(   )A separação da água dos rios, lagos e mares, na formação da chuva, ocorre por evaporação e condensação.

10-(Mack-SP) A aparelhagem adequada para a realização de uma destilação simples:





11- (UEL-PR) Em uma destilação simples, para resfriar os va­pores formados por um líquido em ebulição, utiliza-se:

a) proveta.

b) balão volumétrico.

c) cilindro graduado.

d)frasco de Kitasato.

e) condensador de vidro.


12- (UFRJ-RJ) A aguardente é uma bebida alcoólica obtida da cana-de-açúcar. A charge poderia transmitir a idéia de que se trata de uma substância pura.

Na realidade, ela não é uma substância pura, mas uma mistura homogênea. Isso pode ser comprovado pelo seguinte processo físi­co de separação:

a)      filtração.

b)      destilação.

c)      decantação.

d)     centrifugação.

quinta-feira, 15 de março de 2012

NOMES SUGERIDOS PARA O BAR OU RESTAURANTE DE UM CIENTISTA. VOCÊ TEM ALGUMA SUGESTÃO???

-Fóton em repouso
- Orbital sp10
- CH3CH2OH
- “Núcleo atômico” barzonho maneiro drinksquimicos
- Bar da Relatividade
- Ciclo de Krebs
- ETANOrloff e derivados
- Idéia de Nobel
- QUARK TOP!
- PRESSURE: 1020 miliBAR
- Momento de dipolo
- ħ – H-Bar
- Filosobar
- Infinitésimo Superior
- Carbono 14
- Uncle hawking´s bar
- Saccharomyces cerevisiae
- Hidrogénofosfatobar
- GLE Bar – Glicídicos, Lipídicos & Etílicos BAR

EXERCÍCIOS SOBRE SOLUBILIDADE



01.    Um determinado sal X apresenta solubilidade de 12,5 gramas por 100 mL de água a 20ºC. Imagine que quatro tubos contêm 20 mL de água cada e que as quantidades a seguir do sal X foram adicionadas a esses tubos:

Tubo 1: 1,0 grama;

Tubo 2: 3,0 gramas;

Tubo 3: 5,0 gramas;

Tubo 4: 7,0 gramas.


Após agitação, mantendo-se a temperatura a 20ºC, coexistirão solução saturada e fase sólida no(s) tubo(s)

a)    1.

b)    3 e 4.

c)     2 e 3.

d)    2, 3 e 4.

e)     2.



02.    Prepararam-se duas soluções, I e II, através da adição de 5,0 g de cloreto de sódio, NaCl, e 5,0 g de sacarose, C12H22O11, respectivamente, a 10 g de água e a 20°C, em cada recipiente.

Considerando que as solubilidades (g do soluto/ 100 g de H2O) do NaCl e da C12H22O11 são 36 e 203,9, respectivamente, em relação às soluções I e II, pode-se afirmar que

a)    a solução I é saturada e todo o soluto adicionado se dissolveu.

b)    a solução II é insaturada e todo o açúcar adicionado se dissolveu.

c)     ambas são saturadas e nem todo o soluto adicionado se dissolveu.

d)    ambas são instauradas e todo o soluto adicionado se dissolveu.


3)

O processo de desertificação do semi-árido brasileiro, que vem se ampliando rapidamente, é resultado — dentre outras ações — de queimadas, de desmatamentos e de manejo inadequado do solo.
A erosão e o empobrecimento do solo pela destruição da matéria orgânica e pela dissolução de íons — a exemplo de K+(aq), Ca+2(aq), Cl(aq) e  que são arrastados pela água da chuva — constituem algumas das conseqüências dessas ações.
A partir dessas considerações e da análise do gráfico e admitindo que os sais, em determinadas condições, exibem o comportamento mostrado no gráfico e que a massa específica da água é igual a 1,0g.cm–3, a 45ºC,

       determine a massa aproximada, em kg, de íons K+(aq) que se encontram dissolvidos em uma solução saturada, obtida pela dissolução de cloreto de potássio em 20L de água, a 45ºC, e apresente uma explicação que justifique o aumento da solubilidade de CaCl2, de KNO3 e de KCl, com o aumento da temperatura;

      mencione duas formas de recuperação da fertilidade do solo, que foi empobrecido pelo processo de desertificação decorrente das ações acima referidas.

4) A solubilidade do nitrato de potássio (KNO3), em função da temperatura, é representada no gráfico abaixo:

De acordo com o gráfico, assinale a alternativa que indica CORRETAMENTE a massa de KNO3, em gramas, presente em 750 g de solução, na temperatura de 30 °C:

a)    250
b)    375
c)     150
d)    100
e)     500


5)   As solubilidades dos sais KNO3 e Ce2(SO4)3 em água, medidas em duas temperaturas diferentes, são fornecidas na tabela a seguir.

Com base nestes dados, pode-se afirmar que:

a)    a dissolução de KNO3 em água é um processo exotérmico.
b)    a dissolução de Ce2(SO4)3 em água é acompanhada de absorção de calor do ambiente.
c)     os dois sais podem ser purificados pela dissolução de cada um deles em volumes adequados de água a 80ºC, seguido do resfriamento de cada uma das soluções a 10ºC.
d)    se 110,1 g de uma solução saturada de Ce2(SO4)3 a 10ºC forem aquecidos a 80ºC, observa-se a deposição de 2,2 g do sal sólido.
e)      a adição de 100 g de KNO3 a 100 g de água a 80ºC dá origem a uma mistura homogênea


6)   A partir do gráfico abaixo são feitas as afirmações de I a IV.

I.     Se acrescentarmos 250 g de NH4NO3 a 50g de água a 60ºC, obteremos uma solução saturada com corpo de chão.
II.    A dissolução, em água, do NH4NO3 e do NaI ocorre com liberação e absorção de calor, respectivamente.
III.  A 40 ºC, o NaI é mais solúvel que o NaBr e menos solúvel que o NH4NO3.
IV.    Quando uma solução aquosa saturada de NH4NO3, inicialmente preparada a 60ºC, for resfriada a 10ºC, obteremos uma solução insaturada.
Está correto apenas o que se afirma em
a)    I e II.
b)    I e III.
c)     I e IV.
d)    II e III.
e)     III e IV.
7)    A figura abaixo representa a variação de solubilidade da substância A com a temperatura. Inicialmente, tem-se 50 g dessa substância presente em 1,0 litro de água a 70 ºC. O sistema é aquecido e o solvente evaporado até a metade. Após o aquecimento, o sistema é resfriado, até atingir a temperatura ambiente de 30 ºC.
Determine a quantidade, em gramas, de A que está precipitada e dissolvida a 30 ºC.
8) Uma solução saturada de cloreto de ouro de massa igual a 25,20 gramas foi evaporada até a secura, deixando um depósito de 10,20 gramas de cloreto de ouro. A solubilidade do cloreto de ouro, em gramas do soluto por 100 gramas do solvente, é:

a)    10,20
b)    15,00
c)     25,20
d)    30,35
e)     68,00



EXERCÍCIOS SOLUÇÕES: CONCENTRAÇÃO COMUM, DENSIDADE E TÍTULO


LISTA DE EXERCÍCIOS # SOLUÇÕES
CONCENTRAÇÃO COMUM, DENSIDADE E   TÍTULO


1.

São dissolvidos 50g de um sal em 200g de água, originando uma solução cuja densidade é de 1,2g/cm3.Determine a concentração comum dessa solução.

2. Calcule a concentração em g/L de uma solução preparada com 3,0g de NaCl dissolvidos em água suficiente para produzir 200 mL de solução.

3. Um técnico precisa preparar 750 mL de uma solução de NiSO4 , cuja concentração deve ser de 20 g/L. Qual a massa de soluto a ser utilizada para preparar os 750 mL de solução?

4. O gás oxigênio pode estar na água na concentração de 0,05 g/L, em condição ambiente. Determine a massa de oxigênio existente em um aquário com volume de 100 L de capacidade.

5. Uma solução de soro caseiro apresenta concentração de 0,011 g/mL de sacarose. Se uma criança beber 2 L desse soro ao longo de um dia, quantos gramas de sacarose terá ingerido?

6. Em 200 mL de determinado leite em pó integral há, após dissolvido em água, 240 mg de cálcio. Calcule a concentração em g/L de cálcio desse leite.

7. Ao realizar exames de sangue de rotina, um indivíduo apresentou concentração de colesterol total igual a 185 mg/100 mL. Isso significa que:

a. Em 100 mL de sangue há 1,85g de colesterol.

b. Em 1 000 mL de sangue há 1 850g de colesterol.

c. Em 1 000 mL de sangue há 1 850 mg de colesterol.

d. Em 100 mL de sangue há 1 850 mg de colesterol.

e. Em 1 ml de sangue há 1,85 g de colesterol.

8. 20 gramas de NaOH são dissolvidos em 36 gramas de água.Calcule o titulo da solução e a porcentagem em massa do soluto e do solvente na solução. 

9. Dissolvem-se 8g de soda cáustica (NaOH) em água suficiente para a obtenção de 500mL de solução. Determine a concentração comum (g/L).

10. Dissolvem-se 7,4g de hidróxido de cálcio, Ca(OH)2, em água suficiente para a obtenção de 500mL de solução. Determine a concentração comum (g/L).

11. Determine a porcentagem em massa do soluto de uma solução que contém 75g de nitrato de prata (AgNO3) dissolvidos em 0,425kg de água.

 

12. Qual é a porcentagem em massa de soluto em uma solução que contém 50g de açúcar dissolvidos em 0,45kg de água?

13. Uma solução foi preparada adicionando-se 10g de soluto a 100g de água. O volume, após diluição completa, foi de 100mL. Qual a densidade em g/ mL e a concentração em g/L da solução obtida?

14. Se, ao adoçar um copo de suco, usaram-se 12g de sacarose (C12H22O11), e supondo que o volume final de suco adoçado igual 300mL, calcule a concentração em g/L do açúcar no suco.

15. Qual é a massa, em gramas, de 100 mL de uma solução com densidade 1,19 g/mL?

16. Uma solução foi preparada misturando-se 20 g de um sal com 200 g de água, originando uma solução cujo volume é 200 mL. Determine sua densidade em g/mL e g/L.

GABARITO

1-
240,38 g/L

2- 15 g/L

3- 15 g/L

4- 5g

5- 22g

6- 1,2 g/L

7- C

8- 0,35  ;  35% de de NaOH e 65% de água

9- 16 g/L

10- 14,8 g/L

11- 15%

12- 0,1

13- 1,1 g/mL e 100 g/L

14- 40 g/L

15- 119 g

16- 1100 g/L e 1,1 g/mL

quinta-feira, 8 de março de 2012

QUESTÃO DESAFIO SOBRE MOL


(UNICAMP-SP – 1ª FASE)- Um estudante do primeiro ano do curso de Química da UNICAMP, após uma aula sobre fórmulas, foi almoçar no restaurante universitário. Para mostrar aos colegas o que havia aprendido, resolveu fazer uma analogia com a mistura de arroz e feijão contida no seu prato. Primeiro estimou o número de grãos de arroz e de feijão, tendo encontrado uma proporção: dois de feijão para sete de arroz. Depois, escreveu a “fórmula química” do “composto feijão com arroz”, representado o feijão por F e o arroz por A.

a) Qual a “fórmula química” escrita pelo estudante?

b) Se total houvesse 60 feijões no prato, quantos mols de arroz haveria no prato?

c) Quantos mols do “composto feijão com arroz” havia no prato?

Dado: Constante de Avogadro como 6.1023



(UNICAMP-SP- 2ª FASE) Ao  corrigir as respostas da questão da primeira fase do Vestibular UNICAMP, a banca de Química constatou que um certo número de candidatos não tem (ou não tinha) idéia da grandeza representada pela unidade mol, de fundamental importância em Química. Respostas do tipo 210 mol de arroz apareceram com certa freqüência.

a) Calcule a massa, em toneladas, correspondente a 210 mol de arroz, admitindo que a massa de um grão de arroz seja 20 mg (miligramas).

b) Considerando que consumo mundial de arroz seja de 3.108 toneladas/ano, por quantos anos seria possível alimentar a população mundial com 210 mol de arroz? Expresse, também, o número de anos em palavras.

Dados: Constante de Avogadro como 6.1023; 1 tonelada = 1.109mg